aísim

Primeiro texto de 2011. E o meu primeiro pensamento do ano foi: “esse vai ser o ano da minha vida.”

Esse deve ser o texto mais íntimo que tem aqui no Infinitive, mas é que o fim do mês de dezembro foi muito conturbado e a minha cabeça ficou a mil, em mil sentidos e por mil razões.
Eu sei que esse ano que se inicia hoje tem TUDO para ser o mais espetacular, mais inesquecível, mais comprometedor, mais intimista, mais responsável, mais inconstante, mais soberano, mais realizador e muito mais de mim, em mim mesma. Deve ser por isso que eu o desejei umas 360 vezes em 2010.
Pensei em tantas coisas para colocar aqui, mas sempre que começo a digitar parece que as palavras passam por um fade out na minha cabeça.

O que eu pedi? Positividade no coração. O resto, eu corro atrás. Afinal, eu sempre corri, né?!
As cores? Branco e vermelho. Sim, branco pra manter o pensamento sempre positivo, e vermelho pra paixão. É… eu quero uma paixão nova em 2011. Na verdade, eu quero uma paixão nova a cada dia de 2011…
Paixão é tipo um combustível, se você não tem parece que sempre falta algo pra te motivar.

Janeiro já ta quase aí!
Sereno, confiante e cheio de si.
Te bastam a noite, o dia, e o seu ir e vir;
Saúde e simpatia no que há por vir!

2010 foi-se embora. E com ele, todo o meu sentimentalismo barato.

Anúncios

3 comentários sobre “aísim

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s